18624564_1300108876769689_27133044_n

Chegamos à parte do Ducon. Esse rapper transpira verdades e isso transparece na sua parte em “Poetas no Topo 2”. Vamos analisar algumas frases soltas da música e como isso incomoda nosso coração. Que Deus nos guie.

“Se for pro jogo virar que o jogo vire e se…”

Aqui Ducon já começa intrigando muita gente, inclusive a mim. Ele a curto modo está dizendo que não está muito preocupado se as coisas vão dar certo ou não, ele está fazendo o que acha melhor pra si. Muitas vezes achamos que vontade de Deus é só aquilo que de bom acontece conosco. Nem sempre: “O jogo vira” conforme a vontade de Deus e nós estamos sujeitos a essa vontade. Nossa responsabilidade humana nos faz enxergar algo mais profundo: fazemos de tudo para sermos reconhecidos pelo nosso trabalho e se fazemos um bom trabalho o que teremos? Reconhecimento pelo bom trabalho. Quero pontuar nesse texto 3 aspectos sobre vontade humana e soberania de Deus e onde as duas coisas se encaixam.

1) Nossa vontade é finita. O primeiro aspecto a ser analisado sobre aquilo que desejamos e aquilo que Deus realmente deseja é a humildade de reconhecermos nosso lugar. Desejamos coisas terrenas, pois são as coisas que conhecemos. Portanto, nossa vontade e metas de vida são finitas. Limitadas ao que enxergamos e imaginamos ser as melhores coisas para nós. Eu particularmente sou um cara que não me interesso tanto pelo dinheiro. Parece piada, mas é a pura verdade. Sou bem conformado nesse sentido e se eu tiver o básico para mim é mais do que gratificante. Já tem outras pessoas que não pensam assim. Conheço algumas que “se matam” para conseguir dinheiro e quando o tem ainda não querem gastar. Isso se chama “controle”. Faz parte do nosso pecado. Como pessoas atingidas pela queda, somos fadados a querermos ter um controle excessivo de tudo que nos rodeia: queremos controlar o tempo, os horários dos ônibus, os amigos e até nossos pais. De todos que lêem esse texto neste momento eu sou o mais controlador. Quero controlar tudo. Inclusive meus leitores. Deus, cura-me!

2) A vontade de Deus é soberana. E isso é inquestionável. (Fp 2:13) Ele tem um plano e esse plano é imutável. Não acredito na teoria de que Ele interfere as coisas para fazer sua própria vontade. Acredito que sim vontade já está estabelecida. As coisas só ficam claras para nós porque para Ele já estão todas resolvidas. Ficar rico não é um plano de Deus para você e sim sua vontade para que Deus queira que você fique rico. Nossas vontades são questionáveis, a vontade de Deus não.

3) Nossa responsabilidade e a vontade dele se relacionam. Só não sabemos explicar como. Como a vontade de um Deus soberano e infinito pode se relacionar com a minha vontade que além de falha é finita? Não sabemos. O mais próximo que eu posso chegar de uma resposta para esse questionamento é que Deus é um Deus de relacionamentos. Ele se relaciona com a criação e ama o ser humano. “Jhonata, você não crer no livre-arbítrio?” Não. Nem quando eu não era reformado tinha dificuldades de aceitar facilmente a ideia do livre-arbítrio. Para mim essa teoria é uma oposição a soberania de Deus – por mais que seus defensores digam que não nisso que eles acreditam. Pensar em Deus como um Deus que se sujeita a minha vontade e assiste tudo de camarote sem poder fazer nada me assusta. Eu conheço todos os meus pecados e Deus me livre de ter livre vontade para fazer tudo o que a minha carne quer.

Conclusão: Deus conhece o propósito do nosso coração e sua principal intenção não é nos dá tudo que queremos e sim o que precisamos. Nosso caráter precisa ser mudado e isso deve ocorrer todos os dias. Sua voz precisa ecoar em nossos corações de forma que não conseguiremos mais dar ouvidos a outras vozes. Sua soberania deve nos humilhar não nos fazer super-homens capazes de escolher acima da vontade de Deus. Até a próxima!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s