585987beaca0591e008b4c65-1920.png

Terminei de assistir nessa semana a primeira temporada de The OA, uma série que estreou no fim do ano passado na Netflix. Ao concluir, me veio aquela sensação de ‘’entendi nada’’. Então fui procurar sites que a explicassem e a primeira coisa que encontrei, foi a frase: ‘’The OA é uma série sobre acreditar’’.

Praire Johnson é uma moça cega que desaparece e, após sete anos, reaparece enxergando. O que aconteceu com ela é um mistério para todos. Ao longo dos episódios, ela resolve contar sua história para um grupo de quatro jovens estudantes e uma professora, todos do mesmo colégio. O relato de Praire vai além das expectativas e traz uma realidade que aproxima ciência e sobrenatural.

O que a história de Praire pode ter a ver com o evangelho?

Bom, uma coisa que me chama atenção é que os cinco ouvintes não têm elementos em comum. Um rapaz certinho lutando por uma vaga na melhor faculdade, um rapaz viciado em drogas, um jovem problemático, uma menina lésbica e uma mulher mais velha sem muitas perspectivas na vida. Eles são convencidos pela história e se unem para prová-la, com objetivo de ajudar Praire em sua missão.

O evangelho também é sobre acreditar. Somos salvos pela fé. Ouvimos a história de Jesus e, por mais sem sentido que pareça ser, se acreditamos, ela nos dá um novo sentido para a vida. Por ela, nos unimos a outros que normalmente não fariam parte do nosso grupo, mas que têm um mesmo desejo em comum: ajudar numa missão maior.

Praire ensina ao grupo cinco movimentos que devem ser feitos em sincronia, com um mesmo sentimento. Estes falam para mim sobre unidade e sobre a importância de cada pessoa no corpo de Cristo, do qual fazemos parte. Cada um tem um movimento, uma contribuição e é preciso que todos estejam juntos para que tudo funcione.

É importante ressaltar que quando falamos sobre ter fé, devemos saber que esta será provada em algum momento e então, podemos balançar. Mas se acreditamos de verdade, as pessoas verão os efeitos disso em nós. Para saber se Praire está dizendo a verdade, preciso aguardar a próxima temporada. Para saber se o evangelho é verdade, preciso dar espaço para que Jesus viva em mim e me transforme a cada dia.

”É difícil de entender como a liberdade é confusa quando se foi um prisioneiro por tanto tempo. Como é difícil entender que você tem uma escolha, que pode agir. Quão inimaginável é o Sol, se está vivendo no subsolo há anos. O cativeiro é uma mentalidade, é algo que carrega com você.”

Anúncios

Um comentário em “The OA: Sobre fé e unidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s