Djonga em seu álbum de estreia intitulado “Heresia” lançado no primeiro semestre desse ano, tem uma música chamada “Corre das Notas”, aliás é a primeira música do disco, e nessa música tem uma frase bem intrigante: “Ela tava com a porta aberta e você quis pular a cerca“. Ao ouvir toda a música talvez você se escandalize. Não é a toa que o nome do álbum é “Heresia”. Mas eu queria fazer uma análise dessa frase. Oro pra que Deus nos guie nessa reflexão.

Eu estou a quase dois anos solteiro e, sim, a carência me afetou. Temo ter aproveitado um bom tempo da adolescência com pessoas erradas e por isso estou sem pressa agora. Mas calma, “sem pressa” e “carência” não combinam! Confesso que às vezes dá vontade de pregar um papel na testa dizendo “Me namora” e sair pelas ruas atrás de alguém. Por outro lado, estou bem mais tranquilo com minha condição de solteiro-encalhado que isso nem me atinge mais. Entretanto, nesse período eu conheci algumas pessoas – muitas incríveis – e tive um curto relacionamento com cada uma. A última garota que me envolvi – quando digo “envolvi” não pense em toque, beijo, sexo – foi a mais intensa nesses dois anos. Apesar de não nos encontrarmos mais com frequência, ainda trocamos confidências que só trocaríamos um ao outro e mais ninguém.

Me apropriando da propriedade que o tempo de solteiro me deu, quero pontuar alguns pontos sobre relacionamentos da visão masculina de acordo com a garota. Por quê? Porque às vezes percebo que não é o problema de sermos machistas – pois nem todo homem é – mas apenas o fato de sermos homens. Tenho uma teoria de que o homem tem um complexo de querer ter o domínio de tudo. Isso faz parte um pouco da queda. O ser humano governava o Éden, Deus entregou tudo em suas mãos para que cuidasse, mas o homem falhou nessa missão. E após o pecado usou o poder de governo de forma errônea, sobrepondo a liberdade do outro.

Nos relacionamentos isso não é diferente. Costumamos querer ter o controle das mulheres que nos relacionamos. Quem vos escreve é alguém que já agiu assim. Eu fui um cara muito ciumento e que queria controlar tudo na minha companheira, inclusive com quem ela também se relacionava. Claro, alegando sempre que era para o bem dela (mera hipocrisia!). Mas o que significa essa frase do rapper Djonga para mim? Que muitas vezes a moça está aberta a ter algo significativo com você cara, mas na sua arrogância e desejo por ter o controle de tudo, não enxerga isso e quer pular a cerca.

É óbvio que o Djonga usou o termo “pular a cerca” no sentido de traição para fazer um trocadilho com “porta aberta” – o que foi bem articulado. Porém a minha reflexão dessa frase é um pouco diferente: ao invés de pensar no sentido “traição” como se já tivesse um relacionamento construído, quero analisar com a perspectiva de que a mulher está querendo da uma oportunidade a um homem, mas ele tolo não se atenta a isso e prefere fazer do seu jeito. Uma boa forma de demonstrar isso é através da amizade. Nós homens somos muito apressados, queremos tudo logo e no nosso tempo. Feliz é o homem que consegue dar espaço para a mulher sem que fique jogando indiretas sobre o seu pedido de namoro. A amizade fortalece a maturidade dos dois. E aqui quero listar três erros que nós cometemos quando estamos conhecendo uma garota:

1) Esconder os defeitos. Esse é o top dos tops dos erros que cometemos quando estamos conhecendo uma mulher. Deixar que ela pense que somos perfeitos. Mostrar só as qualidades é perigoso, pois quando vocês estiverem em um relacionamento amoroso de fato, esses defeitos vão começar a aparecer e talvez com uma intensidade maior e garanto que será bem mais difícil a adaptação já que até então, esses defeitos eram desconhecidos.

2) Fazer comparações. As mulheres odeiam serem comparadas. Acredito que não só as mulheres, mas os homens também. E fazer isso quando ainda estão se conhecendo é bem pior. Essas comparações darão insegurança para ela e mais lá na frente às consequências serão ciúmes e isso sufocará a relação.

3) Agir precipitadamente. Já mencionei que nós homens somos complexos para ter o controle da relação, mas vale à pena reforçar isso. Muitos caras pedem a garota em namoro somente para não correr o risco de outro melhor que ele vir e passar a vez dele. Nós temos uma visão bem deturpada da mulher, vemos as mesmas como um objeto e sabemos que isso é errado. Mas às vezes não conseguimos evitar. No meu ambiente de trabalho têm muitas mulheres bonitas e às vezes eu preciso me policiar para não pecar. Está escandalizado (a)? Bem vindo ao mundo de um homem sincero. Quero encerrar por aqui por enquanto, mas esse texto servirá de base para uma série que pretendo fazer aqui no blog sobre relacionamentos. Gratidão e até a próxima!

19389623_1327207224059854_1710430362_n

Anúncios

Um comentário em “Ela tava com a porta aberta e você quis pular a cerca

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s